Perspectiva da Semana #125

O que está acontecendo no Brasil?

1. Política â€“ O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou, no domingo (9), que poderá avaliar um aumento no número de ministros no Supremo Tribunal Federal (STF), caso seja reeleito. O vice-presidente Hamilton Mourão também defendeu um número maior de ministros no STF. (Poder360)

A pesquisa Ipec/Globo mostra estabilidade na disputa presidencial no segundo turno. Lula (PT) tem 55% das intenções de votos válidos, seguido por Bolsonaro (PL) com 45%. Em votos totais, Lula tem 51%, ante 42% (-1pp) de Bolsonaro. Brancos, nulos e que não sabem somam 7%. A pesquisa foi realizada presencialmente com 2.000 eleitores de 8 a 10 de outubro. (Valor)

A pesquisa Ipespe/Abrapel indica Lula (PT) com 54% das intenções de votos válidos e Bolsonaro (PL) com 46%. Em votos totais, Lula tem 50% e Bolsonaro 43%. Brancos, nulos e que não sabem em quem votar somam 6%. A pesquisa foi realizada por telefone com 1.100 entrevistados, entre 8 e 10 de outubro.

Pesquisa PoderData mostra Lula (PT) com 52% das intenções de votos válidos e Bolsonaro (PL) com 48%. Em votos totais, Lula tem 48% e Bolsonaro 44%. Brancos, nulos e indecisos somam 8%. O levantamento foi realizado por meio de ligação telefônica, com 5.000 eleitores, entre 9 e 11 de outubro. (Poder360)

A Quaest/Genial indica Lula (PT) com 54% dos votos válidos, e Bolsonaro (PL) com 46%. Em votos totais, Lula tem 49%, e 41% de Bolsonaro (PL). Brancos, nulos ou indecisos somam 10%. A pesquisa foi realizada face-a-face com 2.000 eleitores, entre 10 e 12 de outubro.

A AtlasIntel mostra Lula (PT) com 52,4% dos votos válidos, e Bolsonaro (PL) com 47,6%. Em votos totais, Lula tem 51,1% e Bolsonaro, 46,5%. Brancos, nulos e indecisos somam 2,4%. A pesquisa foi realizada com 4.500 respondentes, por meio digital, entre 8 e 12 de outubro.

O DataFolha mostra Lula (PT) com 53% dos votos válidos, e Bolsonaro (PL), 47%. Em votos totais, Lula tem 49% contra 44% de Bolsonaro. O instituto ouviu, presencialmente, 2.898 eleitores entre 13 e 14 de outubro.

Fonte: elaboração própria, com base nas pesquisas originais. Totais em votos válidos.

Lula e Bolsonaro devem participar de debate na Band, hoje (16), às 20h. (Band)

2. Economia – O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registrou deflação de 0,29% em setembro, terceiro mês seguido de queda. No acumulado de 12 meses, a inflação registra 7,17% até setembro. (Estadão)

O Boletim Focus apresentou nova redução da estimativa do mercado para a inflação de 2022, de 5,74% para 5,71%. A projeção para 2023 permaneceu em 5%. (Estadão)

A Petrobras anunciou redução de 5% no preço do gás natural para as distribuidoras. A medida entra em vigor entre 1º de novembro de 2022 a 31 de janeiro de 2023. (Brasil)

A corrente de comércio brasileira aumentou 25,4%, alcançando US$ 13,53 bilhões, com superávit de US$ 1,60 bilhão na balança comercial, na primeira semana de outubro de 2022. No acumulado do ano, a balança comercial apresentou superávit de US$ 49,32 bilhões e a corrente de comércio registrou aumento de 22,8%, atingindo US$ 473,17 bilhões. (Brasil)

3. Administração pública – O governo autorizou 12 bancos a ofertar empréstimo consignado pelo Auxílio Brasil a partir de segunda-feira (10). Os empréstimos poderão ser parcelados em até 24 meses, com limite de juros de 3,5% ao mês. A Caixa Econômica Federal (CEF) emprestou R$ 111,8 milhões no primeiro dia de operação da nova modalidade de empréstimo. (Brasil)

O presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Alexandre de Moraes, decidiu barrar a instauração de inquéritos abertos pela Polícia Federal e pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) para investigar institutos de pesquisa. (Folha)


Uma análise:

1. A tendência para a política segue positiva. Bolsonaro criou ruídos institucionais com a questão de possível aumento do número de juízes do STF e faz duras críticas ao ministro Alexandre de Moraes. A imprensa deu destaque à matéria, e aliados temem repercussões negativas na conquista pelo eleitor de centro. A coalizão presidencial segue sem alterações significativas, bem como os índices de aprovação do governo, que seguem em torno de 40%, de acordo com as pesquisas mais recentes.

Apesar do importante apoio de governadores e de legisladores eleitos a Bolsonaro, as pesquisas eleitorais mostram Lula bem à frente nas intenções de voto, com uma distância média de 7 pontos percentuais. Mesmo a AtlasIntel, instituto que mais se aproximou do resultado do primeiro turno, mostra uma distância de 4,8pp. Os debates eleitorais e as viagens que os candidatos têm feito podem mostrar alguma variação na semana que vem.

É importante registrar dois pontos: primeiro, nunca um candidato colocado em segundo lugar no primeiro turno da disputa presidencial venceu as eleições; segundo, nunca um presidente eleito democraticamente e disputando a reeleição, desde FHC, não foi reeleito. Essa eleição é atípica e seu resultado significará a quebra de um desses dois paradigmas.

2. A economia segue com tendência positiva. A inflação continua dando sinais de retração, um pouco abaixo das expectativas do mercado. O impacto ainda resulta principalmente de ajustes em tributos e preços dos combustíveis.

3. A administração pública segue em tendência neutra. A decisão de autorizar empréstimos consignados aos beneficiários do Auxílio Brasil pode significar uma boa ajuda a quem precisa de crédito e não tem acesso a empréstimos. Apesar disso, houve críticas sobre a medida: pode ter cunho eleitoreiro e pode prejudicar beneficiários no longo prazo. A questão envolvendo as pesquisas eleitorais mostra que a Administração brasileira funciona com pesos e contrapesos, mas traz muita insegurança e confusão ao setor privado.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s